Páginas

quarta-feira, maio 18, 2011

"Tudo novo de novo..."

Foto: Jonnygitti


O choro secou. Um outono doce impera com seu aconchego de amor e lucidez, suaves. E esse abraço aveludado que chegou repentinamente, num calorzinho de cuidados e curas. Não restam mais feridas. A dor perdeu seu lugar na minha rotina e foi procurar outros rumos. Tenho novos sonhos e um sono novo e profundo. Suavemente tudo mudou de ritmo e celebrei o tempo de cada novo passo. A princípio tive tanta ansiedade, porque tudo parecia um turbilhão, mas de que adianta tentar pular aprendizados? Se é de poesia que o poeta precisa, vamos a ela e não mais à repetição de uma melancolia eterna e bem aprimorada. Chuva e sol, calor e frio: eis o equilíbrio da vida. Se eu nasci com o sorriso mais largo do mundo, não vou entristecer o meu olhar nem anestesiar minha alegria. O choro secou. Já era tempo de prestar mais atenção em outras cores, promover como prediletas outras flores e entrar no mar sem medo, furando a onda com respeito e repetindo a cena com entrega e confiança. Nada ficou fragmentado. Saí inteira e o amor em mim transborda: pele aceitando carícia, olhar brilhando com a menor das delícias. O toque é novo e a respiração tranqüila. Às vezes ainda ofego um pouco, mas quem disse que artista nasceu para sentir pouco? Importante agora é que o choro secou. Antes o meu pranto era cego. Tive que olhar longamente no espelho pra saber o que ainda poderia resgatar de mim. Não quis nada do que restou, quis o meu sorriso novo, minhas portas abertas e a vontade de saltar novamente no desconhecido. E hoje eu só choro se for de alegria.

*

*

Marla de Queiroz

P.S.: Grata a vocês por absolutamente tudo!



24 comentários:

Nathy disse...

Lindo Marla... sou uma eterna admiradora da sua sensibilidade. Paz e Luz pra você. (:

JasonJr. disse...

:D ... assim seja sempre... :D

Anônimo disse...

Engraçado como seus textos tocam minha alma.
Parece que voce descreve tudo aquilo que sinto.
Continue descrevendo tudo aquilo que nao consigo dizer.
Parabéns!

Mari Magno disse...

arrasou como sempre, flor!
quantos sentimentos nas palavras!

um beijo doce e um abraço looongo

Marcos Moraes disse...

Chorei de emoção! Me encontro cada vez mais aqui, nas tuas palavras que faço minhas.

Bjs!

Jailma disse...

Ai como é lindo!!! "Não quis nada do que restou, quis o meu sorriso novo, minhas portas abertas e a vontade de saltar novamente no desconhecido. E hoje eu só choro se for de alegria." Teus textos me fazem sentir menos sozinha!!!Obrigada.

Camila. disse...

Que bom que você está ótima de novo!
=]

Michele Lima disse...

Muito bom esse texto. Realmente você consegue atingir o interior de muitos! Muito obrigado pelas suas palavras. Toda vez que vejo um novo texto no seu blog, meu coração pula de alegria. Parabéns!

♪ Sil disse...

Coisa MARLindaaaaaaaaaa você!!!

Te mando retalhos de amor, como diria Caio F!


Da minha parte, eu que sou grata a você por encher minha vida de poesia!!

LUZIA disse...

Que lindo texto!
Ainda bem que toda dor tem seu fim. E tudo passa e recomeça.

Um beijo.

Helena Christina disse...

Obrigada por esse texto era tdo o que eu estava sentindo e nao conseguia dizer.

Ana Lúcia Lira disse...

'Viver o agora! O ontem ficou pra trás! '
Me debruço em seus textos, leio-os repetidas vezes.
Texto fabuloso.
xeros.

Amanda Proetti disse...

Eita... não dá pra ler!!! =/

Elisa Caroline disse...

Belo texto!

Dany disse...

Muito bom como sempre. Bj

Layz Costa disse...

lindas palavras, ameiii o textoooo...
bjaooo

Rabiscos disse...

muito bom seu texto,adoreiii

Lets disse...

Violinista de alma, faz de suas linhas cordas e de nossa humilde existência melodia, mal sabe ela que enquanto toca nos recria, em versos, em prosa, sempre Marla, nunca canso de ler suas entrelinhas :D
Obrigada sempre por escancarar em mim o que muitas vezes nem eu tive coragem de dizer. Beijos

Anônimo disse...

Um pouco de aconchego em seus textos! Obrigado por postar essas coisas lindas que nos fazem pensar mais adiante, mais em nós. Bjos

As Flores e Eu disse...

Muito bonito.

designer pens box disse...

nice post!

Isabela disse...

parabéns por mais um texto lindo, sensível! sou sua fã!!

llq disse...

pretty good post. I lawful stumbled upon your blog and wanted to command that I get really enjoyed reading your blog posts. Any condition I’ ll be subscribing to your maintain and I hope you despatch again soon bridal jackets.

Fanzine Episódio Cultural disse...

O Fanzine Episódio Cultural é um jornal bimestral sem fins lucrativos, distribuído gratuitamente no sul de Minas Gerais, São Paulo (capital), Salvador-BA e Rio de Janeiro. Para participar basta enviar um artigo sobre esporte, moda, sociedade, curiosidades, artesanato, artes plásticas, turismo, biografias, livros, curiosidades, folclore, saúde, Teatro, cinema, revistas, fanzines, música, fotografia, mini contos, poemas, etc.
Contato: Carlos (editor)
machadocultural@gmail.com
http://www.fanzineepisodiocultural.blogspot.com
Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=1464676950&ref=profile
VEJA O FANZINE EPISÓDIO CULTURAL NA FEIRA DO LIVRO DE POÇOS DE CALDAS 2011
http://www.feiradolivropocosdecaldas.com.br/