Páginas

sexta-feira, outubro 29, 2010

O que o amor tirou de mim



Foto: Patrícia Cristina Cruz

O que me interessa no amor, não é apenas o que ele me dá, mas principalmente, o que ele tira de mim: a carência, a ilusão de autossuficiência, a solidão maciça, a boemia exacerbada para suprir vazios. Ele me tira essa disponibilidade eterna para qualquer um, para qualquer coisa, a qualquer hora. Ele apazigua o meu peito com uma lista breve de prós e contras. Mas me dá escolhas. Eu me percebo transformada pelo que o amor tirou de mim por precisar de espaço amplo e bem cuidado para se instalar. O amor tira de mim a armadura, pois não consigo controlar a vulnerabilidade que vem com ele; tira também a intransigência. O amor me ensina a negociar os prazos, a superar etapas, a confiar nos fatos. O amor tira de mim a vontade de desistir com facilidade, de ir embora antes de sentir vontade, de abandonar sem saber por quê. E é por isso que o amor me assombra tanto quanto delicia. Porque não posso virar as costas pra uma mania quando ela vem de uma pessoa inteira. Porque eu não posso fingir que quero estar sozinha quando o meu ser transborda companhia. O amor me tira coisas que eu não gosto, coisas que eu talvez gostasse, mas me dá em dobro o que nunca tive: um namoramento por ele mesmo. O amor me tira aquilo que não serve mais e que me compunha antes. O amor tirou de mim tudo que era falta.

*

*

Marla de Queiroz

P.S.: Meu livro "Flores de Dentro" com dedicatória: R$ 30,00 (frete incluso). Interessados mandar e-mail para mim: marlegria@gmail.com

P.S.2: Amores, o evento de poesia que frequento aqui no Rio, o POLEM (poesia no leme) vai completar 3 anos na quarta-feira dia 03/11/10 e eu serei uma das poetas homenageadas. Vou aproveitar a ocasião pra relançar meu livro, pois alguns amigos ainda não conseguiram comprá-lo. Adoraria ter a presença de vcs lá!!! Anotem aí: Quiosque Estrela de Luz em frente ao Restaurante La Fiorentina, perto do posto 1-Leme.Diversão garantida à beira-mar!O evento começa às 19h e rola até a madrugada.

21 comentários:

Rosinha disse...

ai...até suspirei!!!

lindissimo.

xero na alma

Divagando... disse...

Que lindo seu texto...Fico olhando direto as atualizações pra ver os novos posts...
O amor realmente tira de nós tanta coisa que dispensamos...

*Livia* disse...

Cheguei aqui por 'indicação' e simplesmente adorei!!
Quero que o amor de tire tudo tb!! =)

bjs

*Livia* disse...

Cheguei aqui por 'indicação' e simplesmente adorei!!
Quero que o amor de tire tudo tb!! =)

bjs

Maria Borges disse...

Amada, que lindooo!
Eu quero o seu livro com toda a certeza :)
Mandarei um email para você, beijinhos!!

Hubner Braz disse...

PERFECT... Amei tudo isso... O texto me cativou de uma tal maneira que estacionei o meu comentario neste espaço solidário...

Sigo-te NOW...

BjXX

[Confissões Insanas]

Thais Zimerer disse...

Lindo! Roubei...

rívea duarte disse...

"... O amor tirou de mim tudo que era falta", doce, doce .. . Ahh o amor, não podemos viver sem tê-lo!

Boa semana.
Um beijo, Marla!

Cristiane disse...

Marla, adoro lê-la. Adoro sua intensidade, sua verdade, tudo o que escreves. Por isso quero que saibas que em meu blog tem muitos textos ou frases suas, mas tudo com os devidos créditos. Gosto de divulgar seu trabalho, se não se importa! Bjs de luz. :))

DANI disse...

Recadinho importante...

O endereço do meu Blog foi alterado,

De: http://nidonda.blogspot.com

Para: http://nollivrodavida.blogspot.com/

Último Post:

árvores generosas...

acessem...

Beijos no ♥!...

* _ Pri CastRo _ * disse...

Pessoal que segue a Marla e ama de paixão como eu, visite meu blog e vote na enquete em que o nome dela participa.
O vencedor tem textos publicados por lá durante 15 dias.
Bora fazer parte e colocar ela no topo?

wwww.prikastro.blogspot.com

Juliêta Barbosa disse...

Marla,

De mim o amor nada tira, pois quando preciso dele abasteço-me nesse derramamento de palavras que encantam. Obrigada!

Obs: Há muito que espero o segundo livro. Quando virá?

Karlinha disse...

Descobri você já tem um tempinho, é foi assim mesmo, uma descoberta... com todas as sensações que o novo nos proporciona.
Dia desses comecei um blog, estou vivendo uma gravidez de risco e de repouso comecei a namorar as palavras, meio timidamente, apenas peguei na mão ainda... nada de abraços ou beijos...ainda estamos só nas mãos, mais vislumbro um relacionamente fértil e duradouro entre nós.
Sempre que eu colocar trechos que me encantam das suas palavras, terei o cuidado de lhe dar os tão merecidos e devidos créditos e se eu esquecer pode puxar minha orelha..rs
Te mandarei um email sobre o livro...Parabéns por todo este encantamento.
Beijos

Juliana Luna disse...

O amor me deu saudades...


Obrigado Marla...
TE AMO.

Enttreaspas disse...

Marla!! Isso é de uma sensibilidade sem tamanho. Ah o amor....

Estás convidada a conhecer meu blog
www.enttreaspas.blogspot.com, serás muito bem-vinda,

Beijos e sucesso sempre : )

Rita Contreiras disse...

Que bom ler um texto que mostra aspectos positivos do amor, quando tem se falado tanto das desvantagens das relações como se elas não acrescentassem nada. Belo texto.!Grande abraço.

Marianna disse...

É tudo lindo aqui.

Tudo

Francisco de Assis disse...

Odeio quando leio algo assim.
Me faz ver ao contrário
e voltar
atrás
quando digo
que não há mais nada lindo
nesse mundo.


Se puder, me dê uma lida também!

www.oamoreoutrasmetiras.blogspot.com

www.intensoedesnecessario.blogspot.com

www.alguemedoiscopos.blogspot.com

www.podemechamardeoutro.blogspot.com

www.twitter.com/prosa_i_co

Espero sua visita!

Beijo no coração!

so sad disse...

lindo lindo,
e de amor se vive não se morre!
beijo!

Ana Clara Q. Silva disse...

Escreves superbem colega.
Estou procurando parceria se estiver interessada me adc no msn: anaclaraqs@hotmail.com

thailla disse...

Nossaaa!!Que coisa mais linda...
Vc escreve de um jeito a gente se encaixa no que leu...
amei!!!