Páginas

quinta-feira, setembro 11, 2008

Imperativos, hiper-ativos


Foto: Ornella Erminio


não tenho tempo a perder por favor quando chegar esteja inteiro ocupe espaço e seja pleno me impeça de pensar no amanhã e em outras tarefas suspensas me traga pro agora daquele momento onde você mora me faça esquecer o cansaço me traga um abraço me fale de coisas que há tempos não nos permitimos fazer e me convença a transgredir a hora de dormir como boa-moça que nunca fui e estou me dê um porre acenda todos os meus cigarros e me ache bonita me fale sobre as gostosuras da vida esqueça os pronomes começando as frases que nos despejamos quando entusiasmados e cheios de assunto depois se cale e me ponha a dançar me faça chorar me lembrando que estou pura razão me incentive a querer mudar me relembre essa dádiva de cama-leoa me ajude a fazer as malas me tire de casa me convença a trancar a porta por fora me mande embora dessa covardia me traga de volta praquele meu sonho bonito.
Me traga: de novo fumaça, etérea, no espaço, sonora... de novo tão livre, tão solta.

E faça amor comigo sem pressa.Com todas as vírgulas que ignoramos.
*
*
Marla de Queiroz

21 comentários:

Camilinha disse...

Nossa!!!!!!!!!! Adorei!!!
Tô precisando mandar um texto desses para uma pessoa X... rs


beijos daqui...

Ana disse...

Fiquei boquiaberta, é tudo que eu preciso expressado em palavras intensas e sublimes! fabuloso!

Anônimo disse...

que lindo!

que dom maravilhoso vc tem!


sem palavras...

um abraço!

Giane Luccas disse...

Às vezes adio deliberadamente o prazer de vir aqui, por não saber se estou pronta no momento...
Grande beijo de admiração!

al disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
tatá. disse...

belas palavras
querendo visitar-
me
ia ser bom

Cris...(precisotantoaproveitarvoce.zip.net) disse...

Simplesmente fantástico, show mesmo! Sabia que o que não pontuava era deliberadamente a intenção...

DANIELLA MIRANDA disse...

A foto por si só já tinha valido o meu dia, mas ler você foi muito bom. Você é extremamente autêntica!

Namastê!

Paixão, M. disse...

Aiaiai, que seus textos são mesmo uma delícia de ler! Vi em algum lugar o "Sobre a Espera" (maravilhoso) e resolvi procurar mais sobre você. Ainda bem que achei aqui :)

Dizer mais o quê, além de que vou voltar sempre, e parabéns demais por esse talento incrível!

abração!

Lubi disse...

Tinha que ser você Marlalinda.
Pra me mostrar o que eu sinto e não consigo explicar.
Obrigada pela descoberta.

(Posso pôr no meu blog com os devidos créditos?)

Um beijo.

Camilinha disse...

...e são suas...todas as palavras que ainda direi a alguem (que ainda há de chegar), com ou sem vírgulas, mas com toda intensidade e expressividade de cada letra.
Ontem precisava falar com vc no msn, e "ouvir" tudo que leio aqui.
Beijos pra ti!
minha poeta.

sua fã.
Camilinha

Clóvis disse...

Depois de um tempo a mesmo por aí, sem pretensão de verso ou prosa, sem esboçar sequer um verso simples que valha esta lembrança, é como um baque e num impulso de entrelinhas e despudores e verdades atravessadas. Sempre um baque. Algo meu assim mostrado aos solavancos; tão preciso, tão visceral, tão macio, assim seu, só.

Meu beijo, Mar-lá.
Amo.

Lubi disse...

Tá lá.
Coração na boca total.

Um beijo, querida.
Obrigada.

Felipe Cavalcanti disse...

Você me inspira tanto, que o ar que entra me deixa algumas horas a flutuar por aí... Saudades. Vou passar mais por aqui. Bjs.

Cris disse...

Adoro vir aqui.
Parece que estou lá, sentada no Leme. Eu e mais 3 fadas. Em junho. E uma delas, recita no vento das nossas almas palavras que colorem nossas asas. De fadas... :o)
Saudades!
Mesmo!
Um beijo
...porque você é rara

Camilinha disse...

Porque o seu "Inusitado" meche demais comigo.
Como surgiram essas palavras, esse texto admirável? Preciso saber!
Li e ri por quase todo o fim de semana, e ainda postei.
É tão parecido..
mas tão...

e é tão grande essa minha admiração!

beijos em vc
=D

Anônimo disse...

marla, estou do outro lado do mundo, começando uma vida nova mas ainda entro aqui todos os dias na esperança de uma nova postagem. Cada vez que te leio me sinto em casa de novo...

p.s. encare como um incentivo para escrever mais... rs ;)

Anônimo disse...

marla, estou do outro lado do mundo, começando uma vida nova mas ainda entro aqui todos os dias na esperança de uma nova postagem. Cada vez que te leio me sinto em casa de novo...

p.s. encare como um incentivo para escrever mais... rs ;)

O2 disse...

Menina do Rio, que te dizer(?), como sempre fico um tempão sem te ler, e como sempre acordo de repente e venho-te respirar... como sempre saio daqui com aquela vontade de gritar, porra como tu escreve mulher, como tu consegue de uma forma tao simples e cheia de conteúdo! ADORO esta tua forma de voar! aaaarrrrrr

Beijão!

Su.

Pratamada Brasil disse...

Lindooooo!!!! Me emocionei e tive vontade de dizer tudo isso para alguém !
Parabéns !!!!
Beijos,
Pitty

Juliana disse...

Ai..... o amor.
Hoje realmennte precisava ler essas doces palavras!
Ainda terei o prazer de te conhecer.
Lindo d+ tudo que escreve!
Bom fim de semana Linda!

Juliana - BSB