Páginas

quinta-feira, janeiro 18, 2007

A arte imita a vida!


Foto:Hugo Tinoco
E, de repente...
Enjoei do personagem,
não gostei do figurino,
cansei do cenário,
impliquei com a perfomance
e detestei o texto...
Então,
abandonei o palco
e o deixei ali:
ator-doado em cena.
Dei a mão pro outro moço
e fui viver,
finalmente (!),
um amor de cinema.
*
*
*
(Marla de Queiroz)

14 comentários:

diovvani disse...

Essa margarida tá impossível! Que viva feliz amiga. Você merece, né? AbraçoDasMinas.

Jefferson de Souza (Fejones) disse...

A princípio, vim pelo esporro que me deste. Precisa tudo isso?

Poeta Matemático disse...

rsrsrs

Muito bem, muito bem...

Um amor de cinema não é pra todos...

Hehehehe

roberta disse...

Adoreeeeeeei esse. Siiiimples e fofo!

Fejones disse...

É, eu mereço, eu sei...
Tô chateado até agora por ter perdido...
Mas... Haverá outras oportunidades! E, da próxima vez, eu não vou furar!
Tbm qria ter passado mais tempo c/ v6! Bom... Pago qdo puder!
Adoro vc, linda! =*

Anônimo disse...

Vixi mãeinha, essa é a Marlinha!
Delíiiiiiiiiiiiiiiicia-da-minha-vida!!!
BeiJÔ JÔ

Cecília Braga disse...

hauahauhaauhauahau!
Ah, Airumã!
Te amo!

Juliana Marchioretto disse...

lindo!!
gostei daqui.

voltarei.

beijos

Leandro Jardim disse...

Muito bom!!!
*
barcos naufragando sempre enjoam
figurinos desajeitados destoam
cenários, rimas, cenas e até poemas
assim como a performance do romance
que não foi pra tela do cinema
não eram merecedores, ator nem tema
*
"ator-doado em cena" é absolutamente genial... excelente mesmo o poema moça Marla

BeiJardins

A czarina das quinquilharias disse...

ótima sacada!!!

paulo vigu disse...

Rsrsrsrs (SOCA MESMO) - Saiu do palco, tirou diretor, cenário, figurino. Porque, guerreira, conhece as artes. É presa aos sonhos, mas tem passos livres. E no cinema tudo é cenário. Precisando de rio na cena, me chama! Riodaqui in new chuvarada. Deixa encher. O beijo vai aí. Paulo Vigu

Verônica Rocha disse...

que bom que passou por lá! eu sempre tô aqui, querida! sempre lendo e sempre me surpreendendo! adoro!!!

Luzzsh disse...

Oi Marla,

Sei bem como é isso, rs....pôr tudo abaixo: personagem, cenário, falas marcadas...agora, só me falta o "amor de cinema", rs.....
Eu, que amo teatro, da coxia, espreito.

Lindo, lindo...

Beijos

Múcio Góes disse...

amor de dor amena, desse que sol se ver no cinema.

amormaço.

sempre, bjo.