Páginas

sábado, setembro 23, 2006

Decisão



Foto: Tatas del GOSTs

Um dia ela decidiu:
“Esqueçamos a distância.
Definitivamente, a partir de hoje,
você vai morar na minha taquicardia”.
*
*
*
(Marla de Queiroz)

19 comentários:

Keila Sgobi disse...

Morreu???

Continua!!!!

Abraço forte e ansioso!

moacircaetano disse...

ai, meu Deus!
Que verso lindooooo!!!!!!!!!!

Charlotte Sometimes disse...

Que lindooos os seus versos, suas postagens...
Esse Convite** eu adorei, porque foi tão sutil e sensual ao mesmo tempo...
Você tem mesmo alma de poetisa, querida...
Bjs

Anônimo disse...

Ah! E como seria bom se a distância fosse um nada e se eu pudesse viajar sempre,partilhar sempre esta minha eterna saudade.Mil beijos.Dominicais.

http://www.garotabossanova.blogger.com.br

Keila Sgobi disse...

Acho que, agora, entendi...
Ele viverá este amor todos os dias...

:)

berlim.t disse...

decisões acertadas..
saudades apertadas..
e sem dividir uma só letra..
esta semana sem graus rss..
beijocas marlarida..

Segunda Pele disse...

Falei algo parecido pro meu namorado há uns seis meses atrás, quando tudo estava num impasse.
Resultado: Amor e amor todos os dias!!!

Beijooos

Múcio Góes disse...

...e nessa casa turbulenta viveremos nós os dias, sem ais nem menos.

Tiro certeiro, Marla!

beijo.

Ju disse...

Ah, como vc encanta!

Beijos com amor

Valéria disse...

eu quero a receita da cura!? mas... há?
beijo

Cassinha disse...

Meus olhos se encheram de lágrimas...

Beijos com amor, linda flor.

Mendoscopia - Marcia disse...

Ah MarLinda....
hj definitivamente tive uma prova de que distância não existe...é a gente que faz! Dá um pulo lá o blog e vê que coisa mais linda que meu muso inspirador do último poema deixou lá p mim....
E tirando isso, vc não tem idéia de como a primavera me trouxe flores, toda aquela tempestade só regou meu jardim...e as flores são lindas, lindas...
Obrigada por sábado, vcs foram tudo pra mim...bjos coloridos de arco-íris!
Marcia

pedro pan disse...

, decisão e precisão nos dizeres...
|beijos meus|

zingarah disse...

A distância tanto vergasta, quanto alimenta...bjs.,
Zingarah

Alequites disse...

Salve! Simpes e muito.
Beijos

diovvani disse...

Fico pensando, quem será o distante e felizardo-alvo desse poema... MontanhosoAbraço.

Bruna Rasmussen disse...

proximidade fatal : )

beijos

Lubi disse...

E ele? E ele?

Beijo.

Eu e outras de mim disse...

Adoro tudo aqui. Te dedico a primavera, Marlarida!