Páginas

terça-feira, agosto 29, 2006

Desordem


Foto: Pedro Moreita

A desordem é completa. O tempo arrancou qualquer certeza e a inquietação é extrema.
Todos os sentimentos confortáveis do passado estão beirando o precipício e nada mais
sacia como antes. Tudo nos condena ao risco, ao desconhecido.
Tudo se rendeu ao caos, ao espontâneo...

Sim, finalmente, vamos começar a nos divertir.
(Marla de Queiroz)
*
*
*
P.S.: Para Thaís Amormino (amorMEU), minha Borboleta de asas Patchwork, Diva do Borogodó, Personificação da Sofisticação e do Desapego...Coisa mais linda da minha vida, aquela que um dia vai me tirar da cafonice....hahahaha...Na virada do seu setênio, virginiana nata, nada menos que TUDO de mais meticulosamente fantástico pra ti...Certamente vamos trilhar juntas de mãos dadas nossas histórias, delícias, vitórias...O AMOR DO TODO! SEMPRE!!!

6 comentários:

Elenita disse...

Saudades mil!
Beijos.

fraiva disse...

Start! Foi dada a partida (inteira dada é mais difícil)rsrsrs... Começa o jogo!

Rayanne disse...

Fechar os olhos.
Mais um passo à frente,
rumo ao delicioso desconhecido.
A vida transbordando a taça, quando estamos libertos dos medos.

**Estrelas, Marlaflor**

Ju disse...

É sempre muito bom vir aqui...

Saudades absurdas =)

Beijos

Mendoscopia disse...

Senti mesmo tua ausência. Fiz uma homenagem a todos na minha vida e inclui todas essas estrelinhas virtuais. Vc encabeçava a lista, mas acho que não viu!!
Bem vinda de volta. Luz!

bjos,

Anônimo disse...

uhuhuhuhuhuuhuhuhuhuhuuhh

DIVERSÃOOOOOOOO JÁ!!!

Ainda bem que vc existe. Só vc para expressar lindamente momentos, fases, sentimentos, o que há de mais puro e singular....
VC È TUDOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!

AMEIIIIIIIIII.......

AMO-te!!!
Thais AmorSEU...