Páginas

segunda-feira, maio 15, 2006

Recado

Não consigo imaginar como era o mundo antes das tuas flores nestes muros...Mas as paredes do meu quarto são tristes, tristes: apesar de verdes, nada brota delas....
(Marla de Queiroz)


Foto: Valter Elias

PAIXÃO
De vez em quando
Deus me tira a poesia.
Olho pedra, vejo pedra mesmo.
O mundo, cheio de departamentos,
não é a bola bonita caminhando
solta no espaço.
(Adélia Prado_Poesia Reunida, p.199.)

6 comentários:

Elenita disse...

e vc postou adélia prado?
somos gêmeas =)
tenho sorte...

fascinada estou eu, sempre!
abençoada tbém! =*

Su disse...

:)
até para ser feliz, preciso de ser triste de vez em quando.

um flor de eu para tu.

e beijo claro!

Su disse...

Vá!
Acorda!
Levanta-te!
Banha-te numa agua que te lava de tudo!
Sai desse lugar!
Respira!
Diz ao vento que o mundo é teu!
Vê de novo, pela primeira vez.
Repara, tudo é perfeito!
Agarra-te e vive.

luizgusmao disse...

ô, adélia... poesia não é encantamento. ;)

Anônimo disse...

I like it! Good job. Go on.
»

Anônimo disse...

I'm impressed with your site, very nice graphics!
»