Páginas

quinta-feira, maio 18, 2006

Descoberta e Desencanto

Foto: Helena

DESENCONTRO
(Mia Couto)
*
*
Não ter morada
habitar
como um beijo
entre os lábios
fingir-se ausente
e suspirar
(o meu corpo
não se reconhece na espera)
percorrer com um só gesto
o teu corpo
e beber toda a ternura
para refazer
o rosto em que desapareces
o abraço em que desobedeces
*
(Raiz de Orvalho e outros poemas)

7 comentários:

Su disse...

Sabia, que ias gostar... o Mia é um espanto, esse livro, já o li e reli... tem poemas incriveis.

:)

Ouvi dizer a andas a pensar em fechar pra ferias?

verdade?

n vai n... mesmo q n escrevas! o silencio as vezes tb é necessário.

Beijo!

Su disse...

!!o que descobris-te q te desencantou? quem fez tal coisa com essa pessoa incrivel q pareces ser?

esperava-te mais feliz com o Mia!

queria te ter enviado, com os livros uma carta mais bonita, mais elaborada... desculpa, estas ultimas semanas tem sido de loucos... foi tudo a correr, o Helder contou?
:)

mas valeu!??

fala comigo!

n escreve... fala!

Su disse...

:)

ok... n fala...
CALA!

MAS SORRI!

Carol Velho disse...

Ameiiiiiii

Beijocas de saudadoca...

Anônimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anônimo disse...

Greets to the webmaster of this wonderful site! Keep up the good work. Thanks.
»

Anônimo disse...

I like it! Keep up the good work. Thanks for sharing this wonderful site with us.
»