Páginas

sábado, janeiro 28, 2006

Flor...


Era uma flor tão pequenina
Tão delicada nas suas extremidades
Que quando ele arrancou com dó
Pediu que eu a colocasse no peito esquerdo
Porque ela ainda respirava...
Não sei ao certo qual coraçãozinho batia mais forte,
Mas ela dormiu entre nós
Enroscados que estivemos e
Beijados por aquele beija-flor.

3 comentários:

Anônimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anônimo disse...

Great site lots of usefull infomation here.
»

Anônimo disse...

This site is one of the best I have ever seen, wish I had one like this.
»